EDITAL CONVOCATÓRIO DE ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA

O Sindicato Nacional dos Aeronautas - SNA, nos termos do seu Estatuto Social, por seu Diretor Presidente, ao final assinado, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo disposto no artigo 27, alínea “a”, combinado com os artigos 20, 21 §4º e §5º, 24, 25 “c ” e parágrafo único, “b”, 30, caput, e §2º e 31, §1º,  todos do referido Estatuto Social e observados os demais requisitos estatutários e legais, convoca os aeronautas associados ao SNA da Latam Airlines Brasil, a participarem da Assembleia Geral Extraordinária, que será realizada no dia 25 de setembro de 2019, às 13:30h, em primeira convocação, e às 14:00h, em segunda e última convocação, nos seguintes locais: São Paulo - Sede do SNA, localizada na Rua Barão de Goiânia, 76, Vila Congonhas, São Paulo - SP, CEP: 04612-020; Rio de Janeiro – Escritório Regional do SNA, localizado na Avenida Franklin Rosevelt, 194, Salas 802/803, Centro, Rio de Janeiro – RJ, CEP: 20021-120; Brasília – Blue Tree Premium Jade Brasília, localizado no SGCV Sul Lote 15 – Guará, Brasília – DF, CEP 71215-100; Porto Alegre – Escritório Regional do SNA, localizado na Avenida dos Estados, 1825, loja 06, Bairro Anchieta, Porto Alegre – RS, CEP: 90200-001 para a seguinte ordem do dia: Avaliação e deliberação da Pauta de Reivindicação da categoria para Acordo Coletivo de Trabalho. 

 

São Paulo, 20 de setembro de 2019.

Ondino Dutra Cavalheiro Neto
Diretor Presidente

EDITAL CONVOCATÓRIO DE ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA

O Sindicato Nacional dos Aeronautas - SNA, nos termos do seu Estatuto Social, por seu Diretor Presidente, ao final assinado, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo disposto no artigo 27, alínea “a”, combinado com os artigos 20, 21 §4º, 22 caput e §2º, 24, 25 “c ” e parágrafo único, “b”, 30 caput e §2 e 3º e 31, §1 º, todos do referido Estatuto Social e observados os demais requisitos estatutários e legais, convoca os pilotos da TWO Taxi aéreo, das bases de Belo Horizonte, Brasília e Recife, a participarem da Assembleia Geral Extraordinária, que será realizada no dia 20 de setembro de 2019, às 16:00h, em primeira convocação, e às 16:30h, em segunda e última convocação, na Sede do SNA, localizada na Rua Barão de Goiânia, 76 - Congonhas – São Paulo/SP, CEP: 04612-020, para seguinte ordem do dia: Avaliação e Deliberação sobre a proposta e negociação do Acordo Coletivo com a TWO TÁXI AÉREO LTDA (TWO).

São Paulo, 17 de setembro de 2019.

Ondino Dutra Cavalheiro Neto
Diretor Presidente

A convite da Anac, o SNA participará, no dia 13 de novembro, em Brasília, do evento promovido pela agência reguladora sobre desafios e oportunidades do RBAC 117.

O Painel terá como objetivo discutir a implementação do RBAC 117 para os operadores brasileiros.

Entre os temas estarão: implementação do GRF, utilização de “safety cases”, possibilidades de melhoria no gerenciamento de fadiga dos tripulantes, possibilidades de melhorias na competitividade dos operadores etc.

A palestra a ser apresentada pelo SNA tratará especificamente dos impactos do RBAC 117 para os tripulantes.    

Diante da nota divulgada pela AGU (Advocacia Geral da União), em que a instituição tenta justificar a decisão de encerrar o repasse de valores referentes ao pagamento mensal aos assistidos (aposentados e pensionistas) do Aerus, o SNA ressalta que não concorda com tal posicionamento e que considera não haver amparo para isso no processo e nas decisões judiciais.

Veja nota da AGU: https://bit.ly/2kcGftm.

Lembramos também que no último dia 2 o SNA e a AAPT (Associação dos Aposentados e Pensionistas da Transbrasil) estiveram no Tribunal Regional Federal da 1ª Região para pedir providências em relação à decisão da União de encerrar os repasses.

O entendimento do SNA e da AAPT é de que a União deve restabelecer imediatamente os pagamentos, já que a decisão de antecipação de tutela para o pagamento dos assistidos, proferida pelo TRF-1 em ação movida pelas duas entidades, continua em plena vigência e com força executória.

Desta forma, o SNA aguarda a decisão do juízo do TRF-1.

Fiquem atentos a nossos meios de comunicação para novidades sobre o tema.

O SNA fica à disposição para esclarecimentos de dúvidas e para quaisquer outras orientações pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou pelo Whatsapp 11 95375-0095 (somente para associados).

Associe-se ao SNA
ia site: https://tinyurl.com/sna-associe-se
Via Whatsapp: 21 98702-6770
Via app: SNA no Google Play ou Apple Store

O SNA se manifestou nas audiências públicas nº 12/2019 e nº 13/2019, promovidas pela Anac, de forma a rejeitar integralmente as mudanças propostas para o RBAC 121 relativas ao cálculo do combustível mínimo para despacho.

As propostas de mudança preveem diminuição dos atuais 10% para 5% como reserva mínima de contingência (Audiência 12) e a possibilidade de a própria empresa determinar esta porcentagem do cálculo pré-voo do combustível, após aprovação da Anac (Audiência 13), podendo inclusive não haver previsão de combustível de contingência.

O sindicato defende a manutenção do texto atual do RBAC 121, Emenda 07, conforme as seguintes justificativas:

1. Condições meteorológicas comuns no período de verão exigem desvios frequentes em rota;

2. Existem deficiências de infraestrutura aeroportuária e de gerenciamento de tráfego aéreo, principalmente na região amazônica, com poucos aeroportos de alternativa;

3. Áreas terminais congestionadas que exigem com frequência a espera durante o procedimento de descida e aproximações, assim como a necessidade de vetoração por parte do controle de aproximação para o sequenciamento de tráfego;

4. Alguns operadores podem não possuir dados suficientes para garantir a manutenção dos níveis de segurança;

5. Imprecisão das navegações planejadas, que em muitos casos não preveem os procedimentos de saída e chegada, como as paradas nas subidas e descidas;

6. Imprecisão das navegações planejadas que preveem voos em níveis ótimos, o que pode não ocorrer em função do gerenciamento do tráfego;

7. Capacidade questionável de cálculo preciso do consumo por aeronave, não prevendo aumento do consumo por degradação das aeronaves e motores.

Diante do exposto, o SNA reitera proposta para que se mantenha o texto atual do RBAC 121, Emenda 07.

Fiquem atentos aos nosso meios de comunicação para novidades sobre o tema.

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/sna-associe-se
Via Whatsapp: 21 98702-6770
Via app: SNA no Google Play ou Apple Store

Em um novo comunicado distribuído nesta sexta-feira (23), a Gol Linhas Aéreas informou aos tripulantes que, apesar de a normalização da migração do sistema DCS estar prevista para a quinta (22), isso ainda não foi possível por se tratar de uma mudança grande e complexa. 

De acordo com a companhia, os tripulantes que não baixaram atualização no Colaborador Mobile continuam com a funcionalidade disponível no app, realizando solicitações e recebendo um código localizador, porém a reserva não está ocorrendo de forma efetiva, de forma que este meio não deverá mais utilizado até a normalização.

Assim, as solicitações devem continuar sendo feitas via fonia, presencialmente nos D.Os, totens e posições de check in nas bases. Por isso, é importante o planejamento do tempo para estes deslocamentos.

Em caso de dificuldade, a chefia pode ser imediatamente contatada.

A Gol Linhas Aéreas informou aos tripulantes que, devido à migração do sistema DCS, a emissão de passes CAT II via mobile vem sofrendo impactos e será descontinuada por um breve período até a normalização da migração.

Como alternativa para as reservas, a empresa pede que sejam usados os totens, o check-in ou os D.O.s. Todos os funcionários foram instruídos e já possuem as senhas necessárias para a emissão dos passes, segundo comunicado interno.

Conforme contato com o piloto chefe da Gol, comandante Burg, a migração de sistema é complexa, podendo haver problemas no início, porém em breve a situação estará normalizada —em caso de dificuldade, a chefia pode ser imediatamente contatada.

A Gol informa que a questão deverá estar solucionada até o dia 22 de agosto.

EDITAL CONVOCATÓRIO DE ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA

O Sindicato Nacional dos Aeronautas - SNA, nos termos do seu Estatuto Social, por seu Diretor Presidente, ao final assinado, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo disposto no artigo 27, alínea “a”, combinado com os artigos 20, 21 §4º, 22 caput e §2º, 24, 25 “c ” e parágrafo único, “b”, 30 caput e §2 e 3º e 31, §1 º, todos do referido Estatuto Social e observados os demais requisitos estatutários e legais, convoca os pilotos do Aeroclube de Erechim, a participarem da Assembleia Geral Extraordinária, que será realizada no dia 19 de Agosto de 2019, às 10h30, em primeira convocação, e às 11h00, em segunda e última convocação, na Sede da Empresa, localizada na Rua Delmar Luiz Rigoni, nº 255, Bairro Aeroporto, Erechim, para seguinte ordem do dia: a) esclarecimentos e deliberação sobre proposta de renovação do Acordo Coletivo de Trabalho.

São Paulo, 14 de agosto de 2019.

Ondino Dutra Cavalheiro Neto
Diretor Presidente

Na segunda-feira (12), o SNA finalizou mais uma renovação de Acordo Coletivo de Trabalho para instrutores de voo, desta vez para a MG Escola de Aviação Civil, após aprovação dos termos pelos trabalhadores.

Com isso, o sindicato reforça e mantém a atuação para a regularização dos contratos de trabalho dos instrutores de voo de todo o Brasil.

As renovações dos acordos coletivos reafirmam a condição desses profissionais da aviação como pilotos de aeronaves, conforme estipula a lei 13.475/17.

O SNA já renovou os acordos com:

- Aeroclube de Blumenau;
- Aeroclube de Carazinho;
- Aeroclube de Eldorado do Sul;
- Aeroclube do Espírito Santo;
- Aeroclube de Santa Cruz;
- Aeroclube do Rio Grande do Sul;
- Floripa Flight Escola;
- Realizar Escola de Aviação Civil;
- EPA – Escola Paranaense de Aviação;
- Aces High Escola de Aviação;
- Aeroclube de Maringá;
- Aeroclube do Espirito Santo;
- Fly Eagle Escola de Aviação;
- EFA Escola de Aviação;
- Aeroclube de Ponta Grossa;
- MG Escola de Aviação Civil.

Confira a lista de aeroclubes e escolas recomendados pelo SNA para o ensino prático de pilotos e que já regularizaram os contratos de trabalho: https://goo.gl/9G64Dg.

Lembramos, por fim, que os aeronautas podem e devem denunciar quaisquer irregularidades por meio do e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

Nesta quinta-feira (8), o SNA finalizou mais uma renovação de Acordo Coletivo de Trabalho para instrutores de voo, desta vez para o Aeroclube de Ponta Grossa, após aprovação dos termos pelos trabalhadores.

Com isso, o sindicato reforça e mantém a atuação para a regularização dos contratos de trabalho dos instrutores de voo de todo o Brasil.

As renovações dos acordos coletivos reafirmam a condição desses profissionais da aviação como pilotos de aeronaves, conforme estipula a lei 13.475/17.

O SNA já renovou os acordos com:

- Aeroclube de Blumenau;
- Aeroclube de Carazinho;
- Aeroclube de Eldorado do Sul;
- Aeroclube do Espírito Santo;
- Aeroclube de Santa Cruz;
- Aeroclube do Rio Grande do Sul;
- Floripa Flight Escola;
- Realizar Escola de Aviação Civil;
- EPA – Escola Paranaense de Aviação;
- Aces High Escola de Aviação;
- Aeroclube de Maringá;
- Aeroclube do Espirito Santo;
- Fly Eagle Escola de Aviação;
- EFA Escola de Aviação;
- Aeroclube de Ponta Grossa.

Confira a lista de aeroclubes e escolas recomendados pelo SNA para o ensino prático de pilotos e que já regularizaram os contratos de trabalho: https://goo.gl/9G64Dg.

Lembramos, por fim, que os aeronautas podem e devem denunciar quaisquer irregularidades por meio do e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

*Acima, ouça entrevista com o presidente do SNA, comandante Ondino Dutra, e o recém-eleito representante sindical da aviação agrícola, Ricardo Morandini, para o programa Conexão Rural, que vai ao ar pelas rádios Conexão Rural On Line e Acústica FM, durante o Congresso Nacional de Aviação Agrícola.

****************************************

SNA marca presença no Congresso de Aviação Agrícola

O Sindicato Nacional dos Aeronautas esteve presente, entre os dias 30 de julho e 1º de agosto, no Congresso de Aviação Agrícola, realizado em Sertãozinho-SP.

Durante o congresso, foi realizada assembleia para renovação da Convenção Coletiva de Trabalho dos pilotos agrícolas, que foi aprovada pela categoria.

Os novos termos da CCT trouxeram avanços, como não permitir que os recolhimentos do FGTS sejam descontados do PLR, permitir o pagamento mensal de vale-alimentação e a inclusão de cláusula que trata do Fundo de Auxílio Mútuo dos Pilotos Agrícolas.

Veja no link: https://bit.ly/33nlb5d.

Também foi realizada assembleia para a eleição do representante sindical dos pilotos agrícolas, em que o comandante Ricardo Morandini foi o eleito. Veja no link: https://bit.ly/31mCWzv.

Além disso, durante o Congresso foi lançado oficialmente o FAM –  Fundo de Auxílio Mútuo dos Pilotos Agrícolas.

O FAM tem como objetivo prestar auxílio financeiro aos associados nos casos de afastamento permanente (perda de CMA) ou morte, de acordo com as previsões do regulamento do Fundo.

Os valores das contribuições variam de acordo com idade, plano e remuneração do piloto agrícola. Saiba mais em: https://bit.ly/2OKtAwa.

- O Congresso

O Congresso de Aviação Agrícola do Brasil, promovido pelo Sindag (Sindicato Nacional das Empresas de Aviação Agrícola) com apoio do SNA, é o maior evento de aviação agrícola do mundo.

Nesse ano, a programação teve a participação de representantes de 11 países e 105 empresas.

Além das discussões técnicas e de aprimoramento das melhores práticas na aviação agrícola, foram discutidos temas como atuação política e estratégica do setor.

O número de aviões agrícolas no Brasil cresceu mais de 50% em dez anos, segundo um levantamento do Sindag —a frota nacional é a segunda maior do mundo, atrás apenas dos EUA, com 2.194 aeronaves no início de 2019.

Veja fotos do congresso: https://bit.ly/2Yy0X9R.

Em assembleia realizada pelo SNA nesta quarta-feira (31), na cidade de Sertãozinho-SP, a categoria elegeu como representante sindical para aviação agrícola o piloto Ricardo Morandini.

A assembleia foi realizada durante o Congresso da Aviação Agrícola do Brasil.

O SNA congratula o novo representante e reforça os votos de, juntos, intensificarmos a contribuição para a defesa dos interesses dos aeronautas na aviação agrícola.

Associe-se ao SNA
Via site: https://tinyurl.com/sna-associe-se
Via Whatsapp: 21 98702-6770
Via app: SNA no Google Play ou Apple Store

Mais Artigos...